Cavaco tenta corrigir erro com 20 anos

É este o título da interessante notícia do Expresso.

A verdade verdadinha é que há vinte anos, quando Salgueiro Maia ainda era vivo e esperava resposta ao seu pedido de pensão, Cavaco Silva, então primeiro ministro, concedia pensões a dois ex-inspectores da PIDE (um deles, responsável pelos disparos à porta da sede, que resultaram nos poucos mortos da revolução) pelos serviços prestados ao país.

Um pouco tarde (para não dizer hipócrita) para homenagens, não?

0 comentários:

Espíritos Leitores

Sons